Quinta, 26 de Maio de 2022 05:41
(94) 992310757
Cidades APROVADAS

Vereador Adair Marinho tem contas aprovadas pelo TCM – PA

Atualmente Adair está exercendo mais um mandato como presidente da Câmara Municipal.

12/04/2022 14h14
58
Por: Gesiel Teixeira Fonte: Jornal Folha Ativa
Adair Marinho
Adair Marinho

O Tribunal de Contas dos Municípios do Pará aprovou as contas da gestão do vereador Adair Marinho da Silva, referentes a presidência da Câmara Municipal de vereadores de Xinguara do período de 01 de janeiro a 31 de dezembro de 2018.

 

Por unanimidade os conselheiros do TCMPA votaram pela aprovação das contas, julgadas no processo de número 087002.2018.2.00, em que teve como relator o Conselheiro Francisco Sérgio Belich de Souza Leão.

Na decisão, o Colegiado entendeu que Adair fez a devida aplicação dos recursos na ordem R$ 4.919.043,10 (Quatro milhões, novecentos e dezenove mil, quarenta e três reais e dez centavos) pelas despesas ordenadas naquele ano, o que garantiu a ele a expedição de Alvará de Quitação das contas pelo TCMPA, sendo uma forma de reconhecimento pelo uso de recursos públicos administrados como presidente do Poder Legislativo municipal.

Diz um trecho da decisão do TCMPA: “Considerando o disposto no Artigo 45, Inciso I, da Lei Estadual nº 109/2016. DECISÃO: JULGAR REGULARES as contas do senhor Adair Marinho Da Silva, relativas ao exercício financeiro de 2018”.

Atualmente Adair está exercendo mais um mandato como presidente da Câmara Municipal. “Sempre tenho me esforçado para usar os recursos públicos com responsabilidade e administrar com todo o cuidado obedecendo a Lei de Responsabilidade Fiscal”, disse ele.

O Tribunal publicou o Acórdão Nº 39.187, DE 25/08/2021, dando publicidade à decisão do julgamento, tornando de conhecimento da sociedade a conduta dos gestores públicos.    (Fonte: Jornal Folha Ativa)

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.