Um comboio formado por 10 caminhões-tanque foi encaminhado para a região nordeste paraense na manhã desta terça-feira (29) para garantir o abastecimento de combustível naquela região. Os caminhões saíram no início da manhã de hoje do Porto Miramar, em Belém, e foram escoltados por militares do Exército, agentes da Polícia Rodoviária Federal e Graesp (Grupamento Aéreo de Segurança Pública). A greve dos caminhoneiros autônomos no Pará chega ao oitavo dia hoje, em 11 pontos do Estado.

“As carretas vão abastecer alguns municípios da região nordeste do Estado. Ao longo deste percurso, vamos abastecer os municípios que estão zerados, com isso, os serviços público essenciais estão prejudicados. Por exemplo, as ambulâncias locais estão prejudicadas e nesses municípios pequenos elas são fundamentais. São os únicos recursos que eles dispõem. Então, pessoas podem morrer por isso. Outra área que fica prejudicada é a do transporte escolar. Sem combustíveis eles param também temos as viaturas da segurança pública. Então por isso estão enviando para garantir os serviços públicos essenciais”, explica o coronel André Cunha, titular da Segup (Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará).

Caminhões-tanque são escoltados pelo Exército, PRF e Graesp

O comboio deve passar pelos municípios de Santa Izabel do Pará, Castanhal, e seguir até Santa Maria do Pará. Durante a saída do comboio, Cunha também adiantou que a secretaria já programa a saída de outros caminhões para as demais regiões do Estado. A Segup informou ontem (28), durante coletiva, que já faltam combustíveis em 17 municípios paraenses e 15 estão em situação de alerta, com estoque para no máximo cinco dias. A falta de combustível é mais preocupante no nordeste, sul e sudeste do Pará, com várias localidades sem reserva de gasolina.

Os municípios de São Félix do Xingu, Curionópolis, Canaã dos Carajás, Eldorado dos Carajás, Itupiranga, Rondon do Pará, São Miguel do Guamá e Santo Antônio do Tauá, entre outros municípios, já integralmente sem nenhum tipo de combustível. Em Uruará, Medicilândia, Brasil Novo, Altamira, Vitória do Xingu, Palestina do Pará, São Domingos do Araguaia, Dom Eliseu, Paragominas, Aurora do Pará e demais localidades, a provisão de combustível já está no fim, com armazenamento para durar entre três a cinco dias.

*com informações de Dilson Pimentel (O Liberal)

https://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/05/10a16577-a358-4b13-a5d8-6cd420fa0930-1024x576.jpghttps://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/05/10a16577-a358-4b13-a5d8-6cd420fa0930-150x150.jpgGesiel TeixeiraAtualidadesDestaquesManifestaçãoParáComboio leva combustível para interior do ParáUm comboio formado por 10 caminhões-tanque foi encaminhado para a região nordeste paraense na manhã desta terça-feira (29) para garantir o abastecimento de combustível naquela região. Os caminhões saíram no início da manhã de hoje do Porto Miramar, em Belém, e foram escoltados por militares do Exército, agentes da...Notícia com Responsabilidade e Transparência