Câmara Municipal de Marabá recorreu à velha Fadesp por meio de dispensa de licitação para realização do concurso

A Câmara de Marabá já definiu qual será a organizadora que assumirá o concurso com 27 vagas para todos os níveis. A contratada, por meio de dispensa de licitação, foi a Fadesp. O aviso foi publicado no Diário Oficial do Pará desta quinta-feira, dia 30.

A FIC, antiga organizadora, encaminhará à Câmara a lista de candidatos que já efetivaram o pagamento da inscrição do concurso. Esses participantes não precisarão efetuar nova candidatura no site da Fadesp.

A lista dos concorrentes com inscrições efetivadas será divulgada no site da Câmara de Marabá. Também será disponibilizado um formulário para a solicitação da devolução do valor pago, caso o candidato queira desistir da seleção.

De acordo com informações divulgadas pela própria Câmara, a documentação dos que solicitaram isenção do pagamento da taxa de inscrição e dos que apresentaram o laudo médico de portador de deficiência, será encaminhada à Fadesp. Caberá à instituição deferir ou não os pedidos.

A Câmara de Marabá já adiantou que o quantitativo de vagas, conteúdo programático e valores das taxas de inscrição do concurso serão mantidos. A seleção oferece 27 vagas, distribuídas por cargos de todos os níveis de escolaridade.

Um novo cronograma ainda deverá ser anunciado. Os interessados em se candidatar devem efetuar o pagamento de uma taxa de inscrição. O valor será de R$72 para os cargos de nível superior, R$ 60 para os cargos de nível médio e R$48 para os de nível fundamental.

Os candidatos serão avaliados por meio de uma prova objetiva. O conteúdo exigido variará de acordo com o cargo e nível de escolaridade. Para os cargos de nível fundamental serão cobrados itens de Português, Matemática e conhecimentos específicos. No caso do nível médio e técnico também haverá questões de Noções de Informática.

Já o exame para os concorrentes às vagas de nível superior contará com itens de Língua Portuguesa, Noções de Informática, Noções de Meio Ambiente e conhecimentos específicos. E itens de Matemática, para a função de engenheiro civil.

Os inscritos no cargo de técnico em tradução e interpretação de libras ainda farão uma prova prática. Já os concorrentes aos cargos de nível superior passarão por uma avaliação de títulos e de tempo de serviço.

O prazo de validade deste concurso será de dois anos a contar da publicação da homologação do resultado final. O prazo ainda poderá ser prorrogado, uma vez, por igual período. (Fonte: Folha Dirigida)

https://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2020/01/câmara-de-Marabá-1.jpghttps://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2020/01/câmara-de-Marabá-1-150x150.jpgGesiel TeixeiraAtualidadesCorcursosDestaquesParáCâmara de Marabá se rende à velha Fadesp para realizar concursoA Câmara de Marabá já definiu qual será a organizadora que assumirá o concurso com 27 vagas para todos os níveis. A contratada, por meio de dispensa de licitação, foi a Fadesp. O aviso foi publicado no Diário Oficial do Pará desta quinta-feira, dia 30. A FIC, antiga organizadora, encaminhará...Notícia com Responsabilidade e Transparência