Nessa quarta-feira, 10, o canteiro da avenida Yeda Gonçalves ganhou oitenta e seis mudas de ipês. O projeto da vereadora Ébia Costa, que trouxe o gosto pela espécie de Goiás, foi prontamente recebido pela secretaria de Meio Ambiente, Saneamento e Turismo.

“Lá em Goiás, a gente vê tantos ipês lindos, floridos. Quando teve a inauguração desse trecho da avenida, me veio a ideia dessa indicação e estamos aqui, hoje, felizes com a concretização dele com os alunos”, contou a vereadora.

Para Clécio Witeck, secretário de Meio Ambiente, Saneamento e turismo, o ponto de partida foi uma reunião com a secretária de Governo, Fátima Assunção e coordenadores da UNIFESSPA, Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará. “Tenho que agradecer à Fatinha por ter recebido tão bem essa proposta e aos alunos e professores da universidade que também aceitaram e fizeram questão de participar. Acredito que toda a população, ficará satisfeita”, acrescentou o secretário.

A avenida faz ligação do campus universitário à rodovia PA 279, por isso alunos dos cursos de zootecnia e medicina veterinária foram convidados a participar do plantio. O professor de parasitologia, doenças parasitárias e zoonoses e saúde pública, Pedro Quevedo, fez uma surpresa para os alunos e só revelou para as turmas do que se tratava a atividade programada minutos antes de irem ao local. “Falei para eles da importância de se ter apego à Xinguara, à UNIFESSPA, porque esta cidade vai fazer parte da história da vida deles e agora eles vão fazer parte da história de Xinguara”, ressaltou o professor.

“Achei a iniciativa ótima, acho lindo avenidas com árvores, nunca tinha plantado uma antes, foi muito legal. Vou ficar de olho, aproveitar que moro aqui perto e acompanhar o crescimento do ipê que plantei, estou ansiosa para vê-lo florido”, falou a aluna do 1° período de Zootecnia, Huguianny Teixeira.

Os ipês plantados na tarde de hoje são das cores amarelo, branco e roxo. Segundo o prefeito Osvaldinho Assunção essa parceria só engrandece o polo universitário da região. “Criamos essa avenida para fazer o anel viário da nossa cidade, passando na porta da universidade, agora temos a satisfação de começar a plantar árvores, grama, já fizemos o meio-fio, esse acesso vai ficar cada vez mais bonito”, enfatizou o prefeito.

A secretária de Governo, Fátima Assunção, na ocasião se comprometeu a providenciar placas com os nomes dos alunos em seus respectivos ipês.

Ipês

O ipê é uma árvore diferente da maioria das outras, quando suas flores nascem, as folhas caem dos galhos. Quando se vê um ipê florido, sabemos que a primavera está próxima. A maioria dos ipês floresce no final do inverno ou no começo da primavera.

Sua madeira é de lei. Por ser dura e resistente, é empregada na construção civil e naval, em assoalhos, vigas, eixos de rodas e peças de marcenaria.

O ipê cresce devagar e pode chegar a 30 metros de altura, mas a maioria tem de 7 a 15 metros de altura. É do gênero Tabebuia, palavra tupi que significa “árvore de casca grossa”. As espécies mais conhecidas são o ipê-amarelo, também chamado de pau-d’arco, frequente em Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná; o ipê-roxo, de flores cor-de-rosa, comum nas regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul; e o ipê-branco, que se encontra muito no Rio de Janeiro e em Minas Gerais.

As árvores florescem no inverno e na primavera. O ipê-roxo é o primeiro a florir: de junho a agosto nas regiões quentes, um pouco antes nos locais mais frios. O ipê-amarelo floresce entre agosto e setembro e o ipê-branco, de setembro a outubro. No Brasil, existem doze tipos de ipês com flor em tons de amarelo.

O ipê é a árvore-símbolo do Brasil. (A árvore nacional é o pau-brasil, que deu nome ao país.)

fonte: PMX

Prefeito, secretários, professores e alunos se reúnem para arborizar canteiro. Ricardo Valente/Prefeitura de Xinguar

 

 

Aluna de zootecnia planta o primeiro ipê da avenida Antônio Pedroso.
Flávio Marques/Prefeitura de Xinguara

Aluna de zootecnia planta o primeiro ipê da avenida Antônio Pedroso.
Flávio Marques/Prefeitura de Xinguara
Secretária de Governo afirma que serão feitas placas com o nome dos alunos em cada pé de ipê.
Ricardo Valente/Prefeitura de Xinguara
Secretária de Governo afirma que serão feitas placas com o nome dos alunos em cada pé de ipê.
Ricardo Valente/Prefeitura de Xinguara
Alunos participam da arborização da cidade.
Ricardo Valente/Prefeitura de Xinguara

http://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2019/04/2019-04-11-Plantando-IPÊ-60-1024x683-1024x683.jpghttp://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2019/04/2019-04-11-Plantando-IPÊ-60-1024x683-150x150.jpgGesiel TeixeiraAtualidadesDestaquesMeio AmbienteXinguaraProjeto de arborização envolve estudantes em Xinguara  “Lá em Goiás, a gente vê tantos ipês lindos, floridos. Quando teve a inauguração desse trecho da avenida, me veio a ideia dessa indicação e estamos aqui, hoje, felizes com a concretização dele com os alunos”, contou a vereadora. Para Clécio Witeck, secretário de Meio Ambiente, Saneamento e turismo, o...Notícia com Responsabilidade e Transparência