Após uma tumultuada sessão, a Câmara Municipal de Tucuruí cassou o mandato do prefeito afastado Arthur de Jesus Brito, em sessão extraordinária realizada ontem (19), por 9 votos a 3. Na manhã de hoje (20), foi publicado oficialmente o decreto legislativo nº 002/2018, que oficializou a perda de mandado do agora ex-prefeito.

A sessão teve início às 17h, mas manifestantes a paralisaram por aproximadamente duas horas a votação. Os vereadores optaram pelo afastamento definitivo de Arthur Brito com base na acusação de improbidade administrativa.

Segundo o relatório final da CPI instaurada, ele foi beneficiado com a morte do seu antecessor, Jones William da Silva Galvão (MDB), haja vista que a mandante do assassinato seria a mãe dele.

Por: Portal ORM/O Liberal

http://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/03/artur-brito-se-defende-de-acusacoes-696x519.jpghttp://www.xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/03/artur-brito-se-defende-de-acusacoes-696x519-150x150.jpgGesiel TeixeiraDestaquesParáPolíticaPrefeito de Tucuruí tem mandato cassado pela CâmaraApós uma tumultuada sessão, a Câmara Municipal de Tucuruí cassou o mandato do prefeito afastado Arthur de Jesus Brito, em sessão extraordinária realizada ontem (19), por 9 votos a 3. Na manhã de hoje (20), foi publicado oficialmente o decreto legislativo nº 002/2018, que oficializou a perda de mandado...Notícia com Responsabilidade e Transparência